Nude

Nudeu tempo de fazer maquiagem hoje.
Nudeu tempo de fazer unhas há semanas.
Nudeu tempo de hidratar o cabelo.

Olho pro basculhante do banheiro e me desespero com a fila de cosméticos: Dermacyd, esfoliante, loção 3 em 1 para o rosto, óleo corporal. E, na prateleira, o shampoo e o condicionador. Fora o creme para linhas e rugas para área dos olhos, mais a máscara de pepino que estão na pia, o creme redutor de celulite e medidas na cabeceira da cama. Socorro! Tenho que tomar cuidado para que estes cuidados fiquem naturais, e que eu não vire escrava dos cosméticos.

Hoje fui trabalhar em Caxias, procurei uma blusa mais arrumadinha, fiz uma fitagem mais caprichada no cabelo pra ver se ele dura. Mesmo sabendo que, no fim da tarde, ele está torcido pra cima com uma piranha preta segurando. Faz parte. Meu glamour tem duração média de 5 a 6 horas. Levando-se em consideração que trabalho 10 horas (incluindo o transporte entre um emprego e outro, porque né? esperar busão e tomar sol na cara dentro dele pode ser considerado tempo de trabalho e fim) em dias como hoje... é muito trabalho pra pouca mulherice.

Mas é assim, a gente tenta mudar, mas tem que ser aos pouquinhos. Senão vira paranoia. E quando eu cismo com uma coisa, gasto é tempo com isso. E nem me aprofundo em nada. Mas que tá divertido ver vídeos de maquiagem na internet, isso tá.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vamos lá...

Reforma, gripe e fim de ano.