Aline, aquela gor... fortezinha!...

Puta que pariu, isso não é vida... Deixa eu contar a história direito:

Daniele, minha amiga do normal, amigona mesmo, até madrinha de casamento está trabalhando na mesma escola que eu agora. Sempre quisemos isso, mas nunca tivemos oportunidade. Só que ainda não nos encontramos, pois ela começou na quarta-feira passada e eu só trabalhei segunda e terça. Então diariamente eu ligava pra ela pra saber como tinha sido o dia. Então ela me contou que a secretária, que também é nova na escola, perguntara como ela tinha ficado sabendo da vaga lá... ela respondeu que era conhecida da Aline, OP (orientadora pedagógica). Como há outra Aline lá, a secretária perguntou: Aline, uma bem magrinha, morena, que entrou agora também? ela respondeu: não, Aline, uma que tem olhos claros! Ah, sim, Aline, uma gor...fortezinha? (!!!)

Dan se segurou para não cair na risada (porque os anos também lhe presentearam com alguns quilos a mais), e me contou isso. Ai, carai, por que eu não tomo vergonha nessa cara?!?!?! quando acontecem essas coisas eu tenho vontade de não comer nunca mais, virar faquir... Daí é só passar pela cozinha e... hum... o que tem de bom aqui? Até tenho tentado não extrapolar, mas tá flórida. Quando eu paro pra pensar que meu marido se casou com uma moça (moça mesmo, kkkk...) que pesava 49 quilos... Agora são 66, vcs podem até achar que eu estou exagerando, mas não tenho gostado do que vejo no espelho.

Isso foi um desabafo porque estou ficando maluca, porque esses diabos desses quilos não estão querendo ir embora de jeito nenhum! Por que a salada de alface não é mais gostosa do que um nhoque aos quatro queijos? por que a batata frita não é mais insossa do que um prato de chuchu? Droga, que merda! Hoje até que estou conseguindo comer menos, sim, sim, já sei que não posso ficar sem comer! e nem que eu quisesse eu não consigo. Vou é me dedicar mais aos exercícios físicos, e virar a cara pro chocolate e pras massas... Obrigada pela visita e pelo ombro amigo...

Comentários

Ana Laura disse…
Ai, Aline e eu já sou o contrário. Luto insistentemente para adquirir alguns gramas...Aqui se o povo for se referir à mim, vai dizer "Ah, Ana Laura aquela que quer passar num buraco de uma agulha?"....kkkkk. Exagero, mas realmente gostaria de pesar um pouco mais. Mas, um dia chegaremos ao nosso objetivo. Beijos!
Munira disse…
Oi Aline!
Adorei a decoração do blog! Foi vc que fez?
Adorei seu novo cantinho pra desabafo rsrsrsrs... Vou voltar!
Munira

Postagens mais visitadas deste blog

Vamos lá...

Reforma, gripe e fim de ano.